Em ato na Paulista, no qual a pauta seria "em defesa de Lula", o ex-presidente foi hostilizado por um militante do próprio partido. 
O petista foi chamado de vagabundo e ladrão e ouviu ainda que merecia morrer. 
Confira o vídeo: