FumanchúWebRádio

fan page

Federação das Industrias do Estado do Piauí

Federação das Industrias do Estado do Piauí

sábado, 31 de dezembro de 2016

Jovem de Petrópolis morre ao cair em poço de elevador no RJ Acidente aconteceu na noite desta sexta (30), em Copacabana. Vítima se desequilibrou e caiu, segundo a Polícia Civil.

Do G1 Região Serrana

Jovem morreu ao cair do 6º andar dentro do poço de um elevador na noite desta sexta-feira (30) (Foto: Reprodução/Facebook)Jovem era de Petrópolis e morava no Rio (Foto: Reprodução/Facebook)













Uma jovem de Petrópolis, na Serra do Rio, morreu ao cair do 6º andar dentro do poço de um elevador, no prédio onde morava, em Copacabana, no Rio de Janeiro, na noite desta sexta-feira (30). O corpo de Flora Muller, de 24 anos será sepultado no domingo (1º) no Cemitério Municipal de Petrópolis às 9h30. A jovem será velada na funerária da Praça Oswaldo Cruz a partir das 17h.
O acidente aconteceu em um prédio na Avenida Nossa Senhora de Copacabana. A perícia da Polícia Civil esteve no local e o caso será investigado pela 12ª Delegacia de Polícia.
Em nota, a Polícia Civil informou que "o elevador do prédio parou de funcionar com algumas pessoas dentro dele, a grade de proteção foi aberta, uma das pessoas saiu e Flora seria a próxima, mas ela acabou se desequilibrando e caindo no poço do elevador, de uma altura de seis andares". A vítima morreu ainda no local.

A polícia também revelou que testemunhas estão sendo ouvidas e diligências estão em andamento para esclarecer todas as circunstâncias do caso
.

CLÁSSICO CARIOCA NA NO CAMPO DA COBRASIL.

Na última Quinta-feira 16h00 no Campo do Curtrume Cobrasil Ltda, se enfrentaram os maiores rivais do futebol brasileiro Vasco e Flamengo, hoje também às 16h00 haverá a revanche, com uma pequena diferença, tem que haver um vencedor, se no tempo normal der empate, serão cobrados 5 penalidades de cada equipe, persistindo o empate será determinado a cobrança de um jogador de cada equipe até se conhecer o vencedor.

Carlos Alberto(Lelê) será o mediador da partida.

Vasco
 Flamengo
Fotos Matheus Braga e Anderson Ronaldo Braga

Justiça decreta prisão de esposa do embaixador Grego

 Justiça decreta prisão de esposa do embaixador Grego
O delegado-adjunto Evaristo Pontes, da Delegacia de Homicídios da Baixada Fluminense, afirmou que não há dúvidas sobre a participação de Françoise Amiridis e o PM Sérgio Gomes Moreira Filho na morte do embaixador grego Kyriacos Amiridis. A informação é de O Globo.
A mulher era a esposa do diplomata. Segundo o delegado, o Plantão Judiciário decretou a prisão temporária por 30 dias de Françoise, Sergio e Eduardo Moreira, primo do policial que teria ajudado a carregar o corpo da vítima. Embora Françoise negue, Eduardo disse em depoimento que ela seria a mandante, que lhe ofereceu R$ 80 mil pelo serviço.
PapoTV

De biquíni, Paolla Oliveira reforça o bronzeado: 'Sol e só boas energias' Atriz publicou imagem em cenário paradisíaco em seu perfil do Instagram neste sábado, 31. 'Mulher mais linda do universo", se declarou um seguidor.

Yuri FernandesDo EGO, no Rio


Paolla Oliveira está encerrando o ano em grande estilo e em uma praia paradisíaca. A atriz, que estará na próxima novela das nove, "A Força do Querer", posou de biquíni enquanto reforçava o bronzeado e postou a imagem em seu perfil do Instagram neste sábado, 31. "Sol e só boas energias para esse dia! Bom dia para todos", escreveu ela.
Rapidamente, choveram elogios para a atriz. "Perfeita", "Linda" e "Deusa" foram alguns deles. "Você é a mulher mais linda do universo", se declarou um seguidor. 
  •  
Paolla Oliveira (Foto: Reprodução/Instagram)Paolla Oliveira (Foto: Reprodução/Instagram)

Mãe celebra recuperação de filha que teve tumor raro retirado do rosto: 'Milagre' Menina de 3 anos foi operada em hospital dos EUA após pais fazerem campanha na internet. Família pode voltar ao Brasil em menos de três meses.

Por Gabriela Gonçalves, G1 São Paulo
Melyssa se recupera bem após cirurgia (Foto: Caroline Braga/Arquivo pessoal)
Melyssa se recupera bem após cirurgia (Foto: Caroline Braga/Arquivo pessoal)

e dias após a retirada do tumor raríssimo da Melyssa Braga, de três anos, já é possível ver as mudanças na vida da menina. Médicos do hospital LSU Health Shreveport, em Louisiana, nos Estados Unidos, retiraram o tumor do rosto da criança no dia 20 de dezembro, em uma cirurgia de mais de 10 horas. A mãe, Caroline Braga, postou uma foto da filha já com o rosto livre do tumor de mais de 2 kg. Os médicos colocaram placas de titânio na mandíbula de Melyssa.
Na segunda-feira (26), Melyssa teve que passar por uma cirurgia de emergência em função de um sangramento interno, mas passa bem. Segundo a mãe, Caroline Braga, até os médicos estão admirados com a evolução da menina. Se a recuperação de Melyssa continuar surpreendendo, em menos de três meses a família volta ao Brasil.
“O próprio médico disse que tudo foi um milagre, eu ter vindo para cá [Estados Unidos], a cirurgia, a recuperação dela”, comemora a mãe. “Temos muitos desafios pela frente, mas sei que com Deus a vitória é certa.”
Ao contrário do que os médicos brasileiros previam, Melyssa pode comer, fala e não vê a hora de voltar para a casa dela. “Eu consigo acalmá-la dizendo que quando voltarmos para casa eu vou comprar um cachorrinho e ela fica feliz, come, anda”, explica Caroline.

Mãe postou vídeo com os passaportes que a família tirou para viajar para a cirurgia de Melyssa (Foto: Reprodução/Facebook/Carol Braga)
Mãe postou vídeo com os passaportes que a família tirou para viajar para a cirurgia de Melyssa (Foto: Reprodução/Facebook/Carol Braga)

Cirurgia

cirurgia de retirada do tumor aconteceu no dia 20 de dezembro, no hospital LSU Health Shreveport, em Louisiana, nos Estados Unidos. Os médicos são especialistas em tumores grandes e em pescoço e cabeça. A cirurgia durou mais de 10 horas.
Melyssa viajou com os pais e irmão no dia 9 para os Estados Unidos depois de uma grande campanha promovida pela família na internet para arrecadar dinheiro e buscar ajuda para o tratamento. Moradores de uma comunidade de Guarulhos, na Grande São Paulo, Manassés e Caroline Braga conseguiram arrecadar com a ajuda de parentes e amigos R$ 80 mil. Também ganharam as passagens e ajuda para retirada do visto especial.
Um médico brasileiro que trabalha há anos nos Estados Unidos soube do caso de Melyssa, se interessou e entrou em contato com a família. Além da cirurgia, o hospital também ofereceu um apartamento para que eles se hospedem durante todo o tratamento da criança.
Os pais da menina Melyssa conseguiram ajuda para tratar tumor raro e agressivo que provoca um crescimento de tumor gigante no rosto e pescoço (Foto: Gabriela Gonçalves/G1)
Os pais da menina Melyssa conseguiram ajuda para tratar tumor raro e agressivo que provoca um crescimento de tumor gigante no rosto e pescoço (Foto: Gabriela Gonçalves/G1)
Os pais da menina Melyssa conseguiram ajuda para tratar tumor raro e agressivo que provoca um crescimento de tumor gigante no rosto e pescoço (Foto: Gabriela Gonçalves/G1)

A doença

A família de Melyssa descobriu o câncer chamado sarcoma desmoide em 2014. Durante uma brincadeira com a filha, os pais perceberam que o pescoço dela estava com um nódulo. Foram ao médico e, sem exames, receberam o diagnóstico de íngua e indicação de tratamento. Após idas e vindas ao pronto socorro do convênio, exames, tomografias e médicos especialistas, a mãe, levou a filha na Santa Casa de Misericórdia de São Paulo e lá foi constatado o tumor.
Após uma semana internada, muitos exames feitos e o tumor ainda maior, iniciaram o tratamento com anti-hormônio, que durou cerca de dois meses. Sem o resultado esperado, deram sequência com quimioterapia durante três meses. Mas com a imunidade baixa, e pouco resultado, os médicos constaram que Mel não poderia receber mais sessões da medicação.
“A última que ela tomou foi em maio de 2015. Ela estava com imunidade zero, com os glóbulos brancos baixos. Ela foi internada duas semanas, porque o organismo dela não estava mais aguentando”, conta a mãe.
Em uma conversa com o médico, a família soube que a quimioterapia não estava dando o resultado esperado, que Mel não aguentaria outros tratamentos e que os pais deveriam decidir se ela seria operada. “Eu perguntei se ela morreria fazendo ou não a cirurgia e ele disse que sim. Eu não acreditava, eu chorava”, lembra a mãe.
“Então, que não autorizava a cirurgia. Se fosse para ela morrer de qualquer jeito, que seja em casa, brincando, feliz, comendo. Ao meu ver de mãe, eu optei pela qualidade de vida dela. Melhor do que ela ficar até o último dia dentro de um hospital, sem comer, sem falar, debilitada”, lamenta.
O médico explicou para os pais que aquele era o momento de fazer a cirurgia, que depois não seria possível. “Eu procurei manter a calma, pensei, repensei, mas é uma decisão difícil”, conta o pai.
Desde que os pais optaram por não operar Mel pouca coisa mudou. Embora o tumor tenha crescido ainda mais, eles garantem que a filha não sente dores, não toma remédios e está sempre brincando. “Ela é cheia de vida”, garante a mãe.
Segundo os pais, as maiores dificuldades de Mel é uma ferida que apareceu no rosto dela, depois que um vasinho estourou e a pele não conseguiu conter e a gengiva que tem sido forçada ainda mais para dentro, por causa do tumor. Essas complicações fizeram a família repensar a cirurgia.

RESPONDENDO AO COMENTÁRIO DE FRANCISCO DE ASSIS - O PERNAMBUCO

A matéria que causou o comentário de Francisco de Assis - O Pernambuco(fornece quentinhas).

Por Márcio Bikanca - facebook em 28.12.2016 18h12

Só observando os "ratos" e refletindo até aonde vão e do que são capazes essas pessoas que não tem caráter, personalidade, vergonha na cara.

Mercenários, que após perderem a eleição já estão se vendendo, traindo as amizades, contradizendo suas ideologias e discursos, rasgando a bandeira que empunhavam. Canalhas traidores,que por conveniência e um punhado de farelo se misturam pra se alimentar com porcos.

Deveriam se envergonhar até do reflexo do espelho.

Meu comentário, e o comentário de Francisco de Assis - O Pernambuco.

Antonio Carlos Poucos se olham no espelho.

Francisco de Assis Duvido se o homem precisar do seu serviço se vc não ia.

Em resposta ao comentário de Francisco de Assis - O Pernambuco

Francisco de Assis(Pernambuco), você não pode falar por mim, nem eu por você, trabalho por uma Parnaíba melhor, e quero o bem da minha cidade, jamais vou contra quem quer o bem de minha cidade, eu não falo mal de A e nem de B, apenas trabalho, e tento informar quem me acompanha pelos meus blogs, não vou aqui torcer para que o Mão Santa faça um mal governo, pois assim quero mal para a minha cidade de Parnaíba, isso não faz o meu feitio, assim como vc se for contratado para vender suas quentinhas vc iria, ou NÃO???

Você não tem o direito de terce comentários sobre mim, cada um viva a sua vida, cada um faz o que quer dela, agora poucas pessoas se olham no espelho por ter vergonha de si mesmo, muitos vivem de política eu não, trabalho desde 1.977 para sustentar os meus, nunca tive e nem terei a política como meio para sobreviver, saiba!!!

Você nunca me viu e nunca vai me vê na porta de nenhum político pedindo emprego, toda Parnaíba sabe para quem eu trabalhei na política, nunca me escondo do que faço, tenho responsabilidade e o caráter de defender quem eu quero, pois não tenho RABO PRESO com nenhum deles, saiba disso, procure me conhecer para poder falar de mim.

Eu tenho trabalhos prestados no esporte, nas comunidades, tenho muitos amigos que me ajudam a ajudar quem não não tem.

E você Francisco de Assis(Pernambuco) que serviços prestados tem??? Para poder falar de mim.

PRF/PI espera 35 mil veículos nas estradas para a virada do ano no litoral

A Polícia Rodoviária Federal estima que 35 mil veículos devem passar pela BR-343, que leva ao litoral do Piauí. O fluxo crescente é de turistas que buscam as praias piauienses para comemorar o fim de 2016 e a chegada do ano novo. 
A expectativa da PRF é de que o fluxo seja mais intenso até as 22h desta sexta-feira (30) e durante a manhã de sábado (31).
A recomendação aos motoristas e pilotos que pretendem pegar a estrada é verificar as condições do veículo previamente e não esquecer do uso do capacete (para motos), cinto de segurança e cadeirinha para bebês (carros). 
"Devemos verificar a legalidade do veículo, se o licenciamento está em dia. Também imprescindível ver as condições de segurança do veículo como pneus, suspensão, sistema de iluminação, para brisa e outros. O condutor deve ser habilitado e está em boa condição física, não ter ingerido álcool, alguma tipo de droga ou mesmo está sonolento", disse o inspetor Tony Carlos.
Os cuidados são necessários para evitar acidentes e a perda de vidas. Só do feriado do Natal até hoje, foram registrados quatro mortes nas rodovias federais que cortam o Piauí, sendo 30 acidentes com 25 pessoas feridas. Ultrapassagens em locais proibidos e velocidade acima do limite permitido são as principais causas das tragédias no trânsito. 

Com informações da TV Cidade Verde
redacao@cidadeverde.com

PM tenta impedir assalto e morre ao ser atingido por tiro Ação ocorreu na Freguesia, na Zona Oeste do Rio

POR 

RIO — Um soldado da Polícia Militar foi morto após ser atingido por um tiro, na tarde desta sexta-feira, na Freguesia, na Zona Oeste do Rio. De acordo com a PM, Jonathan Barros de Carvalho, lotado no Batalhão de Jacarepaguá, estava a serviço em uma cabine localizada em frente ao Center Shopping, quando tentou impedir que criminosos fizessem um assalto perto daquele centro comercial.

Na ação, os bandidos dispararam contra o soldado, que conseguiu revidar. Ele, porém, terminou atingido na região do tórax. Jonathan chegou a ser socorrido e levado para o Hospital municipal Lourenço Jorge, na Barra da Tijuca, também na Zona Oeste, mas não resistiu aos ferimentos.

O policial foi descrito como uma "ótima pessoa, que gostava muito do que fazia":

— Era uma garoto gente fina, família e casado. Era trabalhador. Estava de serviço, anunciaram que estava tendo um assalto, uns rapazes numa moto. Ele foi lá verificar e acabou sendo atingido. Não resistiu. Era uma ótima pessoa e gostava muito do que fazia — disse um amigo de farda do soldado.

Jonathan morreu aos 26 anos e estava na Polícia Militar há cinco.

Feridos em acidente com ônibus na Argentina chegam a Porto Alegre Duas pessoas que estavam internadas chegaram nesta sexta-feira (30). Elas devem passar por avaliação clínica no Hospital Ernesto Dornelles.

Do G1 RS

As duas mulheres que estavam internadas após o tombamento de um ônibus de turismo brasileiro na Argentina na terça-feira (27) chegaram a Porto Alegre na tarde desta sexta (30). Elas receberam alta ainda na quinta-feira (29) e viajaram de ambulância até Uruguaiana, na Fronteira Oeste do estado, onde pegaram um voo para o Aeroporto Salgado Filho, na capital gaúcha.
Ônibus do RS tomba e deixa mortos na Argentina (Foto: Reprodução/Twitter/Angel Sotera)Ônibus tombou matando duas pessoas na
Argentina (Foto: Reprodução/Twitter/Angel Sotera)
Elas são aguardadas por uma equipe médica no Hospital Ernesto Dornelles, onde passarão por uma avaliação clínica. Elas eram as duas últimas feridas que ainda não tinham retornado para o Brasil.

Segundo o corretor de seguros da empresa do ônibus, Edemilson Ferreira da Silva, ums das pessoas feridas tem lesão na face e a outra está com lesão na clavícula, costelas quebradas, perfuração da pleura e lesão no braço.
Outras 22 pessoas ficaram feridas no mesmo acidente ocorrido na província de Entre Ríos na última terça-feira (27) e duas pessoas morreram.

De acordo com Edemilson, os corpos de Carla Fernandes Monaco, de 34 anos, e Mariton Fernando Silveira Correa, de 48 anos, chegaram a Porto Alegre e foram liberados para sepultamento na quinta-feira.

Uma das vítimas foi enterrada no Cemitério Municipal de São Lepoldo e a outra no Cemitério Jardim da Memória, em Novo Hamburgo, ambos na Região Metropolitana
.

Blogueira Kelly Bortolini dá dicas de looks para ano novo

KELLY BORTOLINI, a blogueira, listou opções para quem ainda não escolheu a roupa ideal para o fim de ano. "Nesse Ano Novo resolvi usar branco que é o clássico dessa época, então escolhi algumas inspirações de looks branquinhos, e um mais floral para quem vai passar ano novo na praia", contou Kelly. Os vestidos, longos ou curtos, fizeram a preferência que seguiu a tradicional escolha do branco. "Looks monocromáticos são muito versáteis, porque você pode ousar nos acessórios, sandálias e bolsas", afirmou Kelly. Os acessórios, segundo a blogueira, também são chave para compor o look ideal. "A dica é colocar acessórios coloridos para não deixar o look sem graça, ou apostar em uma sandália de cor forte, para deixar o look bem alegre", diz Kelly.
Vanessa Haddad /Jornalista-Assessora De Imprensa

Da Baixada Fluminense à alta sociedade carioca: quem é Françoise Oliveira, acusada da morte do embaixador grego


Françoise, mulher do embaixador da Grécia, não falou com a imprensa
Françoise, mulher do embaixador da Grécia, não falou com a imprensa Foto: Fabiano Rocha
Rafael Soares
De uma família humilde da Baixada Fluminense à alta sociedade carioca. Françoise de Souza Oliveira, acusada de ser a mandante do assassinato do marido, o embaixador da Grécia no Brasil Kyriacos Amiridis, se acostumou, nos últimos anos, a frequentar festas regadas à champanhe no Copacabana Palace e encontros com políticos e autoridades em Brasília, onde o casal morava. Françoise e Kyriacos se conheceram há 15 anos, quando ele era cônsul-geral do Rio, e têm uma filha de 10.
À Baixada, onde cresceu, só ia nas férias de fim de ano. Para ficar mais próxima da família, pediu ao marido que comprasse uma casa em Nova Iguaçu. Entretanto, segundo os parentes, pouco frequentava o local. Com a irmã, Françoise sequer estava falando ultimamente: quando vinha ao Rio, o casal costumava se hospedar em hotéis na Zona Sul da capital fluminense.
No facebook da mulher do embaixador Françoise Amiridis, embaixador da Grécia no Brasil, Kyriakos Amiridis
No facebook da mulher do embaixador Françoise Amiridis, embaixador da Grécia no Brasil, Kyriakos Amiridis
Apesar das raras aparições, seu temperamento explosivo já a havia levado à uma delegacia da Baixada em 2015. Na ocasião, organizou uma festa com som alto que varou a madrugada e irritou os vizinhos. Já pela manhã, como contou uma moradora à polícia, Françoise iniciou uma discussão que terminou aos palavrões. Ela foi indiciada por injúria. O processo foi arquivado este ano.
Conforme contou à DHBF, Françoise conheceu o policial Sérgio há seis meses, quando ele passou a cuidar da casa de veraneio em Nova Iguaçu na ausência do casal. Os dois começaram um romance, que, de acordo com a polícia, motivou o crime — como o EXTRA revelou em primeira mão na manhã desta sexta-feira.
— Já conhecíamos esse PM. Ele chegou a ir à nossa casa. Só não sabemos se os dois realmente têm um caso — disse a mãe de Françoise, Rosângela Oliveira, que lamentou a perda do grego:
— Parecia uma pessoa maravilhosa. Nos víamos todo Natal. O embaixador não merecia.
Embaixador grego Kyriakos Amiridis, de 59 anos, teve o assassinato planejado pela mulher
Embaixador grego Kyriakos Amiridis, de 59 anos, teve o assassinato planejado pela mulher Foto: Divulgação
O crime
Uma tragédia grega na Baixada Fluminense. Após dois dias de investigações da Divisão de Homicídios da Baixada Fluminense (DHBF), a Justiça decretou a prisão de Françoise de Souza Oliveira, do soldado PM Sérgio Gomes Moreira Filho e de Eduardo Moreira Tedeschi de Melo pelo assassinato do embaixador da Grécia no Brasil, Kyriakos Amiridis, de 59 anos. Para a polícia, o homicídio teve motivação passional. De acordo com o delegado Evaristo Pontes, responsável pela investigação, Françoise, mulher do diplomata, tramou o assassinato. Já Sérgio, amante da embaixatriz, e Eduardo, primo do policial, foram responsáveis pela execução do crime.
— A hipótese investigada pela polícia quanto à motivação do crime é o interesse da Françoise em usar os bens do embaixador para curtir a vida com o PM — afirmou Pontes.
Um dos acusados, o PM Sérgio Gomes, dentro da DHBF
Um dos acusados, o PM Sérgio Gomes, dentro da DHBF Foto: Reprodução
Imagens de câmeras de seguranças que mostram Sérgio carregando o corpo para fora da casa e a perícia feita na residência do casal — que encontrou, ao longo da última quinta-feira, manchas de sangue no sofá da sala — ajudaram a polícia a concluir que o embaixador havia sido assassinado na noite de segunda-feira, antes mesmo de Françoise registrar seu desaparecimento na delegacia, na quarta. Ao ser perguntada na delegacia sobre as imagens, a mulher negou participação no crime, mas apontou Sérgio como autor.
Já o policial confessou participação no homicídio. Em depoimento, ele afirmou que entrou em luta corporal com o embaixador e desferiu um golpe fatal — versão desmentida pelos peritos da especializada, que acreditam que a arma usada no crime foi uma faca. Já Eduardo revelou ter sido contratado por Françoise.
Carro alugado por embaixador grego foi incendiado
Carro alugado por embaixador grego foi incendiado Foto: Fabiano Rocha
— O primo disse que Sérgio e Françoise ofereceram R$ 80 mil para que o crime fosse realizado. Foi ele quem a levou ao cenário do crime. Por isso, pedimos a prisão dos três — disse o delegado Evaristo Pontes.
Em depoimento, Eduardo disse que a filha do casal chegou em casa com o corpo do pai ainda na sala. Ela foi levada pela mãe diretamente para o quarto.