FumanchúWebRádio

fan page

sexta-feira, 31 de março de 2017

FUTEBOL SÊNIOR EM PARNAÍBA - TERCEIRA RODADA

Neste final de semana o IV Campeonato Cinquentão de Parnaíba terá mais uma rodada valendo pelo II turno, organização L.P.F.S - Liga Parnaibana de Futebol Sênior.


ESTE CAMPEONATO TEM O APOIO DA PREFEITURA MUNICIPAL DE PARNAÍBA E DA SECRETARIA  DE ESPORTES E LAZER.
.

Sábado(01) no Campo do Curtume Cobrasil Ltda 16h00.

Nova Parnaíba x Bradesco - árbitro Netinho

Domingo(02) no Campo do Curtume Cobrasil 8h30

Velha Guarda e Neves Tintas - árbitro Totonho

Compareçam e participem.
Classificação

1º lugar Velha Guarda 6 pontos em 2 jogos - 2 gols de saldo
2º lugar Nova Parnaíba 3 pontos em 2 jogos - 1 gol de saldo
3º Rachão da Cobrasil - 2 pontos em 2 jogos - Deve 1 gol
4º lugar Bradesco 1 ponto em 1 jogo - Zero de saldo
5º lugar Neves Tintas - Zero pontos - deve 2 gols.

JOGADORES PUNIDOS E COM CARTÕES AMARELOS

Veuto Neves Tintas - suspenso por 2(dois) jogos(falta cumprir mais um) - Por atuação anti-desportiva e jogadas violentas.


Valdeci - Rachão da Cobrasil - SUSPENSO COM 2 CARTÕES AMARELOS.

Gentil - Velha Guarda - SUSPENSO COM 2 CARTÕES AMARELOS



Kelson - Velha Guarda - SUSPENSO COM 2 CARTÕES AMARELOS

Com Cartões Amarelos

Nova Parnaíba

Seu Caio

Macaxeira

Tererê

Edilson

Piloto

Osmar

Alberto

Fernando

Neves Tintas

Tim

José João

Reginaldo Neves

Evanildo

Araújo

Veuto

Jeová

Rachão da Cobrasil

Bezerra

Chinês

Pedro

Edvaldo 

Frichico

Edilson

Bradesco

Ivanildo

Peixe

Valter

José Vieira dos Santos

Seu Madruga

Demétrius

Velha Guarda

Raimundinho

Luiz Gonzaga

Eduardo

Militão

Gilson

Formiga

Hélio

TORNEIO CINQUENTÃO NO CAMPO DO XILDES

Em andamento o Torneio Cinquentão no Campo do Xildes, uma organização Zezinho, mesmo debaixo de chuvas torrenciais que caíram nesta sexta-feira em Parnaíba os jogos foram realizados.

Primeiro Jogo - AK Moda íntima e Avaí, final 4 x 0 para o AK Modas Intima.

Na segunda partida da noite de enfrentaram Neves Tintas e Bradesco, com muitos desfalques a equipe do Neves Tintas foi derrotada pelo time do Bradesco, mesmo com um jogador a menos o Neves Tintas lutou com todas as forças, mas terminou derrotado por 3 x 1.
Segundo gol da equipe do Bradesco
video
Jogadores da equipe do AK Moda íntima levando o figueiredo após a goleada aplicada no Avaí
Fotos e filmagem Fumanchú

LPD ORGANIZA FESTIVAL ESPORTIVO COM O CINQUENTÃO

Neste noite de sexta-feira foi realizado o sorteio do Festival Cinquentão de Parnaíba organizado pela L.P.D - Liga Parnaibana de Desportos que tem como presidente Mariano Carvalho.
Nenhum texto alternativo automático disponível.
Times participantes: Bradesco, Nova Parnaíba, Neves Tintas, Rachão da Cobrasil, Santa Cruz e Velha Guarda.

O festival terá início na próxima terça-feira(4) com 3 jogos.

19h00 - Nova Parnaíba e Santa Cruz

20h00 - Bradesco e Velha Guarda

21h00 - Rachão da Cobrasil e Neves Tintas

Serão jogos eliminatórios com 2 tempos de 30 minutos, dos perdedores será sorteado um para que na quinta-feira(6) sejam realizadas as semifinais.

Só poderão jogadores nascidos em 1967 com exceção do goleiro que é de 1982.

Garotos e Santos eliminam Volta redonda e Colorado

Texto Renneé Fontenele

A quarta rodada dupla do 1º Festival Desportivo da Liga Parnaibana de Desportos aconteceu na noite desta sexta-feira (31). Embora a chuva tenha castigado bastante o gramado do estádio Pedro Alelaf, não faltou disposição aos atletas das quatro equipes em campo.


Volta Redonda
Garotos
Sob chuva torrencial, Garotos e Volta Redonda abriram a rodada com um empate sem gols no tempo normal, levando o resultado final do confronto às penalidades máximas.
video
Filmagens Fumanchú


Com maior posse de bola e aproveitando melhor os espaços, a equipe dos Garotos teve sua primeira investida com Luciano Costa, aos 10 minutos de jogo, arriscando da meia esquerda do ataque para a meta de Claudemir.
Fotos Fumanchú
Aos 15, o Volta Redonda ‘decidiu’ entrar no jogo e passou a atacar pela esquerda, por pouco não abrindo o marcador em jogada frontal e perigosa.



A partida apresentou um equilíbrio em campo aos 20 minutos, ora o Volta Redonda atacava, ora os Garotos. Ambas as equipes, porém, atacando pelo lado esquerdo.


Coube aos Garotos desperdiçar grande chance de marcar aos 21 minutos, quando o ataque chegou à meta do Volta Redonda, mas o cabeceio não fora eficaz.


Na etapa complementar, Wellington Oliveira avançou pela esquerda, em bela triangulação, e finalizou para a defesa de Claudemir.


Sem gols e com muita chuva, o embate terminou em 0 a 0, definindo o vencedor nas penalidades. Por 3 a 1, os Garotos passou à fase seguinte da competição, eliminando o Volta Redonda.


Na segunda partida da noite, Santos e Colorado realizaram um duelo que valeu a pena o esforço dos torcedores por uma acomodação melhor no estádio Pedro Alelaf, tal era a chuva que caía.


Num jogo bastante pegado, a equipe do Santos, entretanto, se pôs em campo de maneira tal a não deixar o Colorado desenvolver seu futebol. Com maior volume de jogo, o alvinegro do Bairro do Carmo tomava conta da partida e, logo aos 12 minutos iniciais, chegou à defensiva colorada com muito perigo. Em cobrança de falta, aos 14 minutos, a bola tem sua trajetória obstruída pelo travessão, agitando a galera presente. Mas o gol alvinegro só sairia no segundo tempo.
video
video
Filmagens Fumanchú


Aos 2 minutos do retorno, Carlos Júnior, na saída do arqueiro colorado, toca para as redes, marcando o gol da vitória santista: 1 a 0 Santos. A equipe do Santos ainda marcava mais um, mas o gol fora corretamente anulado pela arbitragem, dado impedimento do atacante alvinegro.


O Colorado, aos 10 minutos, teve chance clara de empatar o jogo, mas não concluiu a jogada. Recuada, a equipe colorada se defendia, enquanto o alvinegro atacava.


Com 1 a 0 no placar e duas bolas na trave, o Santos eliminou o Colorado e segue adiante na competição.


Hamilton Veras e Marcos Costa conduziram os dois confrontos da noite.

Ministra que "libertou" esposa de Cabral, já negou pedido para mãe de duas crianças

Ministra que "libertou" esposa de Cabral, já negou pedido para mãe de duas crianças
Maria Thereza de Assis Moura, que autorizou a prisão domiciliar de Adriana Ancelmo, mulher do ex-governador do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral (PMDB-RJ), negou um pedido semelhante feito no ano passado pela defesa de uma mulher – mãe de duas crianças – presa em flagrante com porte de drogas.
A informação é do Estadão. O Código de Processo Penal prevê que o juiz pode substituir a prisão preventiva pela domiciliar quando o agente for mulher com filho de até 12 anos de idade incompletos.
Maria Thereza de Assis Moura, em março do ano passado, negou o pedido de prisão domiciliar apresentado pela Defensoria Pública do Estado de São Paulo em nome de uma mulher que, acompanhada de outras duas pessoas, estava em posse de três porções de cocaína, três porções de maconha e duas porções de crack no município de Tatuí (SP). A ré foi denunciada por tráfico e associação para o tráfico de drogas.
Adriana Ancelmo, no entanto, teve mais sorte e, mesmo não tendo filhos pequenos, conseguiu ser encaminhada para prisão domiciliar. 
A esposa de Cabral é cúmplice de um desvio bilionário do Estado do Rio de Janeiro.
PapoTV

Lula será preso em breve e revista expõe o plano petista

Lula será preso em breve e revista expõe o plano petista
O ex-metalúrgico Lula tem certeza de que será preso em breve e, segundo a Revista Veja, já elaborou um plano estratégico para quando isso acontecer. 
"O plano de contingência do PT para o “Dia D” de Lula terá início em um grupo de WhatsApp batizado de “Tamoios”. 
O nome é uma referência à aliança formada por povos indígenas brasileiros no século XVI. O grupo Tamoios de WhatsApp reúne cerca de quarenta pessoas, incluindo o presidente do PT, Rui Falcão, senadores do partido e os presidentes da CUT e do MST. Seu objetivo: dar uma demonstração de força do PT e conferir a Lula a aura de “injustiçado”.
PapoTV fará uma aposta aqui: 
Lula será preso em neste mês de Abril, ou seja, antes de seu depoimento ao juiz Sérgio Moro, no dia 3 de maio, em Curitiba.
PapoTV

Avião cai no interior de São Paulo e moradores furtam objetos das vítimas

Avião cai no interior de São Paulo e moradores furtam objetos das vítimas
Um avião de pequeno porte caiu no bairro Jardim Novo Horizonte, em Sorocaba, no interior de São Paulo, onde morreram algumas pessoas.
O surpreendente disso é que algumas das pessoas que chegaram algumas local do acidente, ao invés de prestar algum tipo de apoio, passaram a furtar os objetos pessoais dos vitimados. 
Nas imagens é possível ver moradores entrando e saindo da aeronave, inclusive, com sacolas na mão.
Um casal que estava na aeronave que saiu de Manaus acabou morrendo. A ocorrência foi na tarde desta sexta-feira, no Jardim Novo Horizonte, zona norte da cidade. Segundo a polícia, as vítimas são Milton José Cardille, de 56 anos, e Jumara Nogueira Vieira, 32.
PapoTV

"Lula é um enganador", diz General

"Lula é um enganador", diz General
O General da reserva, Paulo Chagas, fez um brilhante discurso em comemoração ao dia 31 de março.
Durante o vídeo, transmitido ao vivo pelo Facebook, o general comentou que Lula queria voltar a comandar o país e emendou:
"Lula não merece, a Nação não quer Lula, Lula é um enganador".
Confira o vídeo:
PapoTV

Revista Veja publica notícia bomba que destruirá Aécio Neves

Revista Veja publica notícia bomba que destruirá Aécio Neves
O ex-­presidente da Odebrecht Infraestrutura, Benedicto Junior, delator da Lava Jato, afirmou que a empresa depositou propina para o senador numa conta em Nova York operada por sua irmã, Andrea Neves.
A informação é da Revista Veja deste final de semana. O texto diz que situação de Aécio "é um pouco pior" do que a dos outros caciques tucanos que poderiam concorrer à presidência, José Serra e Geraldo Alckmin, e que "pode se complicar ainda mais". 
"BJ era amigo de Aécio e frequentemente era visto jantando com o senador no Rio", diz a Veja.
"De acordo com BJ, os valores foram pagos como 'contrapartida' — essa é a expressão usada na delação — ao atendimento de interesses da construtora em empreendimentos como a obra da Cidade Administrativa do governo mineiro, realizada entre 2007 e 2010, e a construção da usina hidrelétrica de Santo Antônio, no Estado de Rondônia, de cujo consórcio participa a Cemig, a estatal mineira de energia elétrica", diz trecho da matéria.
"A denúncia de BJ é grave e atinge em cheio a imagem de um político que, até outro dia, firmava-se como a principal liderança da oposição ao governo do PT e, com o impeachment de Dilma, tornou-se figura expressiva, embora atuando nos bastidores, no governo de Michel Temer. Por meio de sua assessoria, Aécio Neves classificou a acusação de 'falsa e absurda'", diz ainda a publicação.
Aécio seria o político que recebeu uma das mais altas somas da empreiteira, R$ 70 milhões, considerando-se pagamentos de 2003 até hoje, de acordo com o conteúdo das delações, informa o texto.
 PapoTV 

há cerca de 3 horas atrás Sérgio Cabral inicia delação e inclui juízes na lista

Sérgio Cabral inicia delação e inclui juízes na lista
Sérgio Cabral, ex-governador do Rio, está fazendo o primeiro depoimento de sua delação premiada, informa Reinaldo Azevedo da revista Veja. 
A lista de Cabral promete ser mais comprometedora que a lista de Janot. Segundo o artigo do jornalista, "quem tem acesso, assegura que ela inclui 97 nomes — 97!!! — de juízes, desembargadores e membros do Ministério Público."
O Brasil e alguns estados dele, como o Rio de Janeiro, estão ou estavam sob domínio de uma verdadeira facção criminosa. 
Algo muito grande tem que acontecer, para nos livrarmos de vez deste eternos exploradores de nossa terra.
PapoTV

URGENTE: Juiz Federal afasta Joesley Batista do comando da JB

URGENTE: Juiz Federal afasta Joesley Batista do comando da JBS
A informação é do Eminente Jota:
A Justiça Federal do Distrito Federal determinou nesta sexta-feira (31/3) o afastamento do empresário Joesley Batista da presidência do Conselho de Administração da holding J&F Participações, controladora da JBS, donas da marca Friboi e Seara. 
A decisão foi tomada no âmbito da Operação Greenfield, que apura suspeita de um esquema que atuou para fraudar os quatro principais fundos de pensão do país.
Vallisney Oliveira, juiz do caso, também estabeleceu em despacho o “bloqueio de todas ações detidas pela Holding J&F Participações S.A. na empresa Eldorado Brasil Celulose S.A., por meio de comunicação oficial à Comissão de Valores Mobiliários  e à própria Holding.”
PapoTV

URGENTE: Lava Jato denuncia operadores do PMDB

URGENTE: Lava Jato denuncia operadores do PMDB
A força-tarefa da Operação Lava Jato ofereceu denúncia, nesta sexta (31), contra os operadores Jorge Luz e Bruno Luz, suspeitos de serem operadores do PMDB no esquema de corrupção na Petrobras.
A informação é da Folha de S. Paulo
Pai e filho estão presos preventivamente e são acusados de movimentar US$ 42,5 milhões em propina em contratos de navios-sonda na estatal.
Os beneficiários seriam funcionários da Petrobras e políticos ligados ao PMDB. Os nomes dos políticos beneficiados não foram divulgados, assim como a denúncia, que ainda está sob sigilo.
PapoTV

URGENTE: Temer sanciona lei de terceirização

URGENTE: Temer sanciona lei de terceirização
Michel Temer sancionou na noite desta sexta-feira (31) o projeto de lei que regulamenta a terceirização no país.
A iniciativa foi publicada em edição extra do Diário Oficial da União.
Três pontos da proposta foram vetados. Um deles é a possibilidade de prorrogação do prazo de até 270 dias de contrato temporário de trabalho. Os outros dois parágrafos foram vetados porque repetem direitos já previstos na Constituição Federal.

Boa notícia: Presidente de Comissão descarta aprovação de lista fechada

Boa notícia: Presidente de Comissão descarta aprovação de lista fechada
O Presidente da comissão da reforma política na Câmara, deputado Lúcio Vieira Lima (PMDB-BA), reconheceu que será difícil o colegiado aprovar o voto em lista fechada.
No sistema de voto em lista fechada, o eleitor vota no partido e não diretamente em um candidato para ocupar as vagas do Legislativo. Além disso, o sistema adota o financiamento público de campanha.
“Algo precisa ser feito, mas pode acontecer de não mudar nem o sistema eleitoral, nem o financiamento, e ficar tudo como está agora”, admitiu o deputado peemedebista, segundo artigo do Estadão.
PapoTV

Janot livra Temer e diz que presidente não pode ser investigado

Janot livra Temer e diz que presidente não pode ser investigado
A Procuradoria-Geral da República (PGR) encaminhou ao Supremo Tribunal Federal (STF) uma manifestação em que diz não poder investigar o presidente Michel Temer por fato estranho ao mandato. 
Temer havia sido citado pelo ex-presidente da Transpetro, Sergio Machado, em sua delação premiada.
Machado afirmou que Temer negociou com ele o repasse de R$ 1,5 milhão de propina para a campanha de Gabriel Chalita (PDT) à Prefeitura de São Paulo, em 2012, pelo PMDB.
"Excepciona-se, apenas, o trâmite da investigação em relação ao atual presidente da República, Michel Temer. Isso porque ele possui imunidade temporária a persecução penal, conforme entendimento do Supremo Tribunal Federal", disse o procurador-geral da República, Rodrigo Janot. 
PapoTV

Memória: Senador declarou vaga a presidência da República

Memória: Senador declarou vaga a presidência da República
Em março de 1964, o senador Auro de Moura Andrade participou, em São Paulo, da Marcha da Família com Deus pela Liberdade, ato público contra o governo. No dia 30 do mesmo mês, lançou um manifesto à nação declarando o rompimento entre o legislativo e o executivo, conclamando as forças armadas a se posicionarem na defesa das instituições.
No dia seguinte estourava o Contra-Golpe de 64 e, mesmo com o então presidente João Goulart em exercício de suas atividades, em solo brasileiro, Moura Andrade, em tumultuada sessão do congresso, por ele presidido, declarava vacante a Presidência, dirigindo-se pessoalmente, a pé, à frente de uma legião de congressistas, ao Palácio do Planalto, para dar posse ao deputado Ranieri Mazzilli, na presidência da República. Declarou nesse dia, antes de terminar a sessão:
Há sob a nossa responsabilidade a população do Brasil, o povo, a ordem. Assim sendo, declaro vaga a Presidência da República (palmas prolongadas, protestos) e, nos termos do art. 79 da Constituição, declaro presidente da República o presidente da Câmara dos Deputados, Ranieri Mazzilli.
Relembre:
PapoTV

'Pílula do câncer' não mostra eficácia e estudo é suspenso Segundo revela pesquisa, de 59 pacientes avaliados, apenas um teve melhora do quadro clínico

A história da fosfoetanolamina, a "pílula do câncer", teve início na década de 1990, com a distribuição de cápsulas pelo professor da USP Gilberto Chierice sem a existência de estudos que comprovassem sua eficácia. Decisões judiciais pró e contra sua oferta surgiram, e grupos pró e contra a pílula travaram disputas sobre seus benefícios.

A novela pode ter entrado em seu capítulo final nesta sexta (31), com a divulgação dos resultados de um estudo do Instituto do Câncer do Estado de São Paulo (Icesp).
Após oito meses, o estudo financiado pelo governo do Estado de São Paulo foi suspenso por falta de "benefício clínico significativo" para os pacientes. De 59 pacientes avaliados até então, apenas um, que tinha melanoma, teve melhora do quadro clínico.
Esse paciente e aqueles que ainda estão em tratamento poderão continuar recebendo as cápsulas, mas não serão incluídos novos pacientes.
Para participar do estudo era necessário estar em estágio avançado da doença e com histórico de falhas em terapias anteriores. Isso era necessário para verificar se apenas a fosfoetanolamina teria algum efeito –e não ela em combinação com outras drogas, como explica Paulo Hoff, diretor geral do Icesp e líder da pesquisa.Ele afirma que o modelo do estudo (testes em grupos de 21 pacientes, com dez tipos de tumores diferentes) não foi feito especialmente para a "fosfo", mas é o que é usado para qualquer novo tratamento.
Para que a pílula fosse considerada eficaz, esperava-se que pelo menos 20% dos pacientes tivessem melhora significativa da doença.
Para Hoff, o resultado está muito aquém do desejável e não há justificativa ética para continuar a pesquisa.
Inicialmente, o governo planejava gastar R$ 1,5 milhão na pesquisa, mas, segundo o secretário da Saúde, David Uip, o total não deve chegar a tanto, já que o número de pacientes será apenas uma pequena fração do número original previsto.
Por anos, as cápsulas foram produzidas e distribuídas pelo grupo de pesquisa da USP de São Carlos chefiado pelo então professor Gilberto Chierice, apesar da ausência de estudos que comprovassem a eficácia da substância. Sempre houve relatos anedóticos de casos de melhora e até de cura.
Regina Monteiro, integrante de um grupo de voluntários ligado ao professor Chierice que acompanhou o estudo, disse considerar a empreitada "insuficiente para dar todas as respostas" sobre a fosfoetanolamina, que recentemente começou a ser vendida como suplemento alimentar.
David Uip defendeu a pesquisa, dizendo que ela seguiu padrões rígidos de qualidade e que o estudo era necessário para "dar uma resposta ao clamor da sociedade".
O caso do paciente que melhorou é visto com cautela por Hoff: pode se tratar de efeito placebo ou de uma cura espontânea, como em muitos outros casos. "Não é possível afirmar que a resposta aconteceu por causa da droga." Para Gilberto Lopes Jr., oncologista da Universidade de Miami (EUA), é possível que seja um efeito tardio dos quimioterápicos, algo não tão raro com o melanoma.
Os demais grupos não obtiveram o resultado necessário para justificar a continuidade do estudo ou a ampliação do tamanho da amostra.
"Gostaria que esse fosse o fim da polêmica, mas acho que não será o caso. As pessoas têm fé tamanha na droga que nem os dados conseguem dissuadi-las", diz Lopes. Com informações da Folhapress.

PGR recorre para anular prisão domiciliar de Adriana Ancelmo A procuradoria pede a revisão da decisão proferida pela ministra Maria Thereza de Assis Moura

A Procuradoria-Geral da República (PGR) recorreu nesta sexta-feira (31) ao Superior Tribunal de Justiça (STJ) para anular a decisão que concedeu prisão domiciliar à advogada e ex-primeira-dama Adriana Ancelmo, mulher do ex-governador do Rio de Janeiro Sérgio Cabral, presa na Operação Calicute, da Polícia Federal. A procuradoria pede a revisão da decisão proferida pela ministra Maria Thereza de Assis Moura, que concedeu o benefício com base em uma lei que prevê a concessão da prisão domiciliar de mães com filhos menores de 12 anos

De acordo com a liminar, Adriana não poderá deixar seu apartamento, no bairro do Leblon, a não ser por emergência médica, e todos os meios de comunicação da residência foram retirados, incluindo rede de telefonia, de internet e até mesmo o interfone. Os visitantes deverão deixar os aparelhos celulares na portaria do prédio.
Adriana Ancelmo e Sérgio Cabral são acusados pelo Ministério Público dos crimes de corrupção passiva e ativa, organização criminosa e lavagem de dinheiro. Segundo apurado nas investigações, os crimes chegam a R$ 220 milhões, valor pago por grandes empreiteiras como propina para garantir obras públicas. Na casa de Cabral, foram apreendidas joias no valor estimado de R$ 2 milhões. O ex-governador foi preso em novembro do ano passado e permanece no Complexo Prisional de Bangu. Com informações da Agência Brasil.
Notícias ao Minuto

Temer sanciona lei de terceirização sem salvaguardas a trabalhadores Iniciativa é antecipada para evitar novas pressões e eventuais retaliações de senadores peemedebistas, que pediram que a proposta fosse integralmente vetada

O presidente Michel Temer sancionou na noite desta sexta-feira (31) o projeto de lei que regulamenta a terceirização no país. A iniciativa foi publicada em edição extra do "Diário Oficial da União" e inclui vetos parciais a três pontos da proposta.

Um deles é a possibilidade de prorrogação do prazo de até 270 dias de contrato temporário de trabalho. Os outros dois parágrafos foram vetados porque repetem direitos já previstos na Constituição Federal.
A ideia inicial era de que o presidente sancionasse a iniciativa aprovada pela Câmara próximo ao prazo de 12 abril, em um evento no Palácio do Planalto com a presença de parlamentares e empresários.
Ele, contudo, foi recomendado a antecipá-la para evitar novas pressões e eventuais retaliações de um grupo de senadores peemedebistas, que pediu em carta ao presidente para vetar integralmente a proposta.
O principal insatisfeito com a iniciativa é o líder do partido, Renan Calheiros (PMDB-AL), que tem feito críticas públicas às propostas econômicas sugeridas pelo Palácio do Planalto.
Segundo um assessor presidencial, a antecipação também teve como objetivo tentar blindar a reforma previdenciária de ameaças de represálias de deputados federais, que também vinham pressionando o presidente a vetar integralmente a proposta da terceirização.
Com a antecipação da medida, o Palácio do Planalto desistiu de fazer uma medida provisória para incluir as salvaguardas para os trabalhadores afetados pela terceirização. A ideia voltou a ser de incluí-las no relatório da reforma trabalhista, cuja expectativa é de que seja votada no mês que vem.
A equipe econômica pretende incluir pontos como a garantia aos terceirizados dos mesmos serviços de alimentação, transporte e atendimento médico dos contratados diretamente e restrições para evitar que as empresas demitam seus funcionários e os recontratem na sequência como terceirizados.
Ela também deve prever a obrigatoriedade de a "empresa-mãe" fiscalizar se a terceirizadora está cumprindo suas obrigações trabalhistas e previdenciárias. Esse ponto é considerado essencial para evitar queda na arrecadação da Previdência Social, uma das maiores preocupações do Palácio do Planalto com a terceirização.
Pela proposta aprovada, por exemplo, a prestadora de serviços não precisa oferecer o benefício a seus funcionários, mesmo que exerçam o mesmo cargo. A salvarguarda que deve ser incluída, no entanto, equipara os benefícios.
A inclusão das mudanças tem como objetivo, além de evitar que o governo seja acusado de promover a precarização do mercado de trabalho, evitar problemas jurídicos pela falta de uma regulamentação mais completa da chamada "pejotização", o que não é feito pelo texto sancionado.
PLANEJAMENTO
Nesta sexta-feira (31), o presidente também efetivou no cargo o ministro Dyogo Oliveira, que atuava desde maio como interino no Planejamento.
Para tomar a iniciativa, Temer consultou o líder do governo no Senado, Romero Jucá (PMDB-RR), que deixou o posto após a Folha de S.Paulo revelar gravação de conversa com o o ex-presidente da Transpetro Sérgio Machado.
No áudio, o peemedebista sugeriu a Machado que uma "mudança" no governo federal resultaria em um pacto para "estancar a sangria" representada pela Operação Lava Jato, que investiga ambos.
Dyogo estava como interino por uma questão política, já que Jucá ainda era considerado ministro licenciado. Com a pressão da equipe econômica, Temer decidiu efetivá-lo. Com informações da Folhapress.