FumanchúWebRádio

fan page

Federação das Industrias do Estado do Piauí

Federação das Industrias do Estado do Piauí

domingo, 30 de abril de 2017

FUTEBOL SÊNIOR EM PARNAÍBA

COMUNICADO

A presidência da L.P.F.S - Liga Parnaibana de Futebol Sênior pede o comparecimento dos representantes de clubes na sede da mentora na Rua Dr. João Cândido, 1758 para uma reunião do IV Campeonato Cinquentão de Parnaíba.

Terça-feira - 19h30 

Jazz ganha de Clippers e avança para as quartas da NBA

Gazeta Esportiva

No sétimo e decisivo jogo entre Los Angeles Clippers e Utah Jazz, a vitória foi dos visitantes. Em partida realizada no Staples Center, Los Angeles, o time da casa saiu da quadra de cabeça baixa. Apesar do equilíbrio entre as equipes, o grupo liderado por Quin Snyder ganhou de 104 a 91. O resultado do jogo leva o Jazz para as quartas de final do campeonato. O próximo desafio da equipe é contra o Golden State Warriors.
Esta foi a última partida pelas oitavas de final da principal liga de basquete do mundo, a NBA. A derrota do Jazz contra o Clippers, na última sexta-feira (28), forçou o jogo para decidir a série que estava empatada em 3 a 3.
Paul Pierce, do Clippers, marcou seis pontos pela equipe contra o time de Utah (Foto: Andrew D. Bernstein/AFP)
A partida
O primeiro quarto terminou empatado para as equipes, com 24 pontos para cada. No segundo período, o Jazz fez sete pontos a mais e abriu vantagem, indo para o intervalo com placar de 46 a 39.
No início do terceiro quarto, o time de Utah dominou e permaneceu assim até o final do jogo.
Na equipe, quem se destacou foi Gordon Hayward, marcando 26 pontos. Derrick Favors também defendeu bem o time e acumulou 11 rebotes. Pelo Clippers, DeAndre Jordan fez um duplo-duplo, com 24 pontos e 17 rebotes.

Criador do jogo Baleia Azul é descoberto, preso e será condenado à morte

 
Recentemente, um jogo tem feito muitas famílias ficarem aflitas em relação aos seus jovens. O “Baleia Azul” somente na Rússia já teria vitimado mais de cem pessoas. O sucesso do jogo suicida, infelizmente, chegou até o Brasil e as autoridades daqui já fazem algo para tentar deter essa modalidade de crime.

Maldade

O game do mal pode trazer perigos importantes às pessoas, inclusive, levar à morte. Por enquanto, os meios de comunicação apenas alertam para os perigos da modalidade para os adolescentes e seus pais, mas a partir das informações sobre como surgiu o jogo, outros mentores podem ser descobertos.

Jogo do crime

O jogo teria sido criado na Rússia, onde a incidência de mortes por causa dele foi a mais alta do mundo. O homem criador do jogo estaria preso desde o ano de 2015 não apenas pro criar o ‘Baleia Azul’, mas também por se o desenvolvedor de outras brincadeiras que trariam sérios malefícios para a sociedade. A ideia de criar o jogo começou com 50 pessoas. Ele teria colocado todas elas em um grupo de uma rede social e logo a ideia teria se espalhado. O site que noticiou esse caso no Brasil, faz um vídeo narrando como tudo teria começado. O vídeo virou um sucesso e já tem dezenas de milhares de visualizações no YouTube.
Desde o início, o jogo funcionava através da imposição de ideias. Ou seja, alguém mandava os adolescentes cumprirem uma tarefa e, caso eles não aceitassem, acabavam sendo ameaçadas. Aos poucos, no entanto, ele acabou sendo moldado para a realidade de cada local, até ter o primeiro jovem que começou a desenhar coisas em seu corpo com objetos perfurantes. Após desenhar uma baleia e a foto viralizar, o jogo ficou mundialmente conhecido como ‘Baleia Azul’.

Ministério da Justiça tomou atitude nessa semana

Nessa semana, como mostra uma matéria do UOL, o Ministro da Justiça do Brasil informou que já solicitou a Polícia Federal que ache estratégias para tentar combater a disseminação da brincadeiras russa em nossa terra. Osmar Serraglio disse que tomou a decisão após pedidos de autoridades públicas, que vem os cidadãos de suas cidades aflitos com o que a brincadeira pode acabar gerando.

Lula diz que vai censurar os meios de comunicação

Lula diz que vai censurar os meios de comunicação
Eis mais um motivo para você querer ver Lula na cadeia. 
Imaginem se ele volta ao poder em um grande plano comunista e promova uma censura no PapoTV por exemplo ?
Deus nos livre dessa praga, e que ele seja preso nesta semana que começa !!!
PapoTV

O povo precisa voltar as ruas para frear Gilmar Mendes

O povo precisa voltar as ruas para frear Gilmar Mendes
A revista Veja desta semana afirmou que o juiz Sergio Moro sofreu uma significativa derrota nesta semana. Onde se lê 'Sérgio Moro', deve-se interpretar, "a Nação Brasileira".
A reportagem diz que a decisão da Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) "dá um perigoso sinal sobre os rumos da Operação Lava-Jato", colocando em liberdade dois condenados na operação.
Na última terça (25), a segunda turma do Supremo decidiu suspender a prisão do empresário Carlos Bumlai e do ex-tesoureiro do PP João Claudio Genu, ambos condenados por Moro.
"Após a ordem para a soltura de dois, o ministro Gilmar Mendes, que preside a segunda turma do STF, verbalizou o recado do Supremo: 'Curitiba passou dos limites e concedemos os habeas corpus'."
Prestem atenção:
O povo precisa voltar as ruas para frear Gilmar Mendes, pois o ministro parece e demostra estar determinado a jogar três anos de operação no lixo. 
Duzentos milhões de habitantes não pode, jamais, se render a meia dúzia de corruptos que não querem deixar o poder. 
PapoTV

Corinthians goleia a Ponte Preta e fica mais próximo do título Paulista

Um refrão de Belchior, ilustre cantor e compositor brasileiro morto neste domingo (e, curiosamente, simpatizante da Ponte Preta), define o duelo em preto e branco que inaugurou as finais do Campeonato Paulista neste domingo, no estádio Moisés Lucarelli: "Apesar de termos feito tudo o que fizemos, ainda somos os mesmos e vivemos como nossos pais". 
Foto - Fernando Dantas - Gazeta Press
Passados 40 anos da história conquista com gol de Basílio, o Timão destilou superioridade para cima da Macaca e goleou por 3 a 0 o primeiro jogo das finais do Estadual.
Diferentemente dos jogos contra Santos e Palmeiras, a Ponte Preta começou neste domingo "como o diabo gosta". Ou seja, sem fazer pressão no campo de defesa adversário. 
A maior prova disso foram as chances que o Corinthians acumulou jogando com o "coração selvagem", mesmo na casa do adversário. Aos dois minutos, não fosse uma antecipação de Yago, Romero poderia ter feito o primeiro gol. Pouco depois, Aranha ainda defendeu um chute de Jô. Só que é aquela coisa... "uma nova mudança em breve vai acontecer". 
Aos 13 minutos, Jô tocou para Romero, que devolveu o passe. De primeira, o camisa 7 serviu Rodriguinho dentro da área, em linda trama ofensiva. Decisivo em partidas importantes, o número 26 do Corinthians apareceu livre, tirou de Aranha e marcou o primeiro gol do Corinthians. Rodriguinho, de novo em mata-mata, já que os "ídolos ainda são os mesmos". 
Parecia até "alucinação", mas a Ponte Preta terminou o primeiro tempo sem dar trabalho quase nenhum a Cássio. Mesmo jogando em casa! O gol do Corinthians fez a Macaca precisar propor o jogo para desequilibrar a defesa do time que estava em vantagem. 
"Sem parentes importantes", ou alguém que assumisse a bronca para resolver, a Macaca trocou duas peças logo no intervalo, viu sua torcida "voltar" ao jogo e tentou se aventurar no segundo tempo. "Like a rolling stone". 
"Na parede da memória, essa lembrança é o quadro", e o fantasma de 1977 parece ainda não ter dissipado de Campinas. Aos 13 minutos do segundo tempo, Rodriguinho deu bela arrancada, ficou em pé mesmo com a falta, tirou a marcação e serviu Jadson, que bateu de primeira, sem chances de defesa para Aranha. "No presente a mente, o corpo é diferente". Ou não. 
Depois do segundo gol, o jogo virou uma pelada. A Ponte, improdutiva. O Corinthians, calmo, com "dedo em V, cabelo ao vento, amor e flor". A tal tranquilidade entrou em contraste definitivo com a inoperância da Ponte aos 34: Fagner bateu lateral para Jô, mas a bola ficou solta na área e Rodriguinho é quem desviou de cabeça. "O novo sempre vem". 

Fonte: Lance

Cruzeiro e Atlético-MG empatam na primeira 'final' do Campeonato Mineiro

O primeiro clássico da decisão do Campeonato Mineiro terminou sem gols. Cruzeiro e Atlético ficaram no 0 a 0, neste domingo, no Mineirão, em um duelo que teve o time celeste dominando a etapa inicial e o alvinegro equilibrando as ações na segunda metade. Os ataques não conseguiram sobressair e as defesas foram soberanas.
O Cruzeiro não conseguiu aproveitar o mando de campo a favor, com o Mineirão repleto de torcedores celestes. O Atlético, que entrou amparado pelo regulamento, alcançou o objetivo de segurar o ímpeto do arquirrival e deixou a definição para o segundo clássico. 
No próximo domingo, às 16h, no Independência, desta vez com ampla maioria alvinegra no estádio, o Galo será campeão com novo empate. Já os estrelados terão que vencer para levantar o troféu, o que não ocorre desde 2014.
Antes da grande decisão estadual, os dois times terão compromissos no meio de semana. O Atlético terá longa viagem até a Bolívia, onde enfrentará o Sport Boys na quarta-feira, pela Copa Libertadores. O Cruzeiro, por sua vez, receberá a Chapecoense, no mesmo dia, abrindo o confronto das oitavas de final da Copa do Brasil.
O primeiro tempo teve só um time buscando o jogo: o Cruzeiro. O Atlético, nitidamente, foi a campo amparado pelo regulamento, que o permitia ser campeão com dois empates. O Galo adotou postura de esperar o adversário e partir para os contragolpes. Mas pecou pela lentidão no momento de atacar. Tanto que não ameaçou o gol de Rafael, que só trabalhou em cruzamentos.
O Cruzeiro teve o domínio total, mas não conseguiu penetrações na área e apostou em chutes de média distância, errando o alvo. O time celeste organizava bem as jogadas, só que falhava no chamado ‘último passe’. Thiago Neves era o principal articulador e Diogo Barbosa boa opção, pela esquerda. Entretanto, faltou uma referência entre os zagueiros alvinegros, para aproveitar os lances.
Do lado atleticano, Marlone foi pouco acionado e Maicosuel não teve sucesso nas escapadas pelas laterais. Robinho, por sua vez, se movimentou pouco e foi anulado pelos adversários.
E Fred, muito isolado, praticamente não teve chance na área. O resultado da falta de efetividade ofensiva do Galo foi a ausência de finalização – o time alvinegro não chutou uma única bola na meta celeste.
Na saída para o intervalo, os jogadores traduziram bem o que foi o primeiro tempo. “Estamos criando e chegando bem. Precisamos acertar no segundo tempo e fazer o gol”, disse Thiago Neves.
Marcos Rocha, por sua vez, admitiu a postura defensiva do Atlético. “Deixamos o Cruzeiro arriscar um pouco para buscarmos os contra-ataques. Vamos caprichar para sair com o Marlone e o Maicosuel”, receitou o lateral.
O segundo tempo foi bem mais movimentado, com o Atlético mais ligado no ataque. Tanto que criou excelente chance logo aos 5min, com Elias, depois de boa jogada entre Marlone e Marcos Rocha. O volante concluiu à direita da meta de Rafael, com perigo. O Cruzeiro deu o troco com Hudson, que apareceu na área e desviou por sobre o gol de Victor.
Os técnicos mexeram de forma simultânea, aos 17min. Mano Menezes trocou Thiago Neves por Ábila. Já Roger Machado tirou Marlone e escalou Otero. O argentino era esperança de uma referência na área e logo mostrou serviço, obrigando Victor a trabalhar. Aos 26, Cazares entrou na vaga de Robinho, que não se encontrou no clássico. Em seguida, Maicosuel foi substituído por Adilson. Na equipe celeste aos 31, Alisson foi lançado no lugar de Rafinha.
A torcida celeste levou grande susto quando Fred recebeu de Elias, girou sobre a marcação de Diogo Barbosa e chutou com muito perigo, à esquerda de Rafael. Chance clara para o Atlético e sorte para a equipe celeste. 
Os dois times estavam bem armados para agredir pelos lados do campo, principalmente com Otero e Alisson. Buscando o triunfo, Mano Menezes ainda lançou Elber na vaga de De Arrascaeta, mas a defesa alvinegra suportou bem a pressão final do adversário e segurou o empate.

Fonte: Superesportes

Criança de 3 anos morre após ficar engasgada com pedaço de pão Corpo da vítima foi enterrado neste domingo (30)Criança de 3 anos morre após ficar engasgada com pedaço de pão Corpo da vítima foi enterrado neste domingo (30)

Uma menina de 3 anos morreu na noite deste sábado (29) após ficar engasgada com um pedaço de pão. Caso ocorreu em Itanhém, no extremo sul da Bahia. O corpo de Maria Vitória Lemos Pereira foi enterrado neste domingo (30).
De acordo com o G1, parentes da vítima relataram que ela começou a se engasgar após pedir pão com café para o pai. Antes de levarem a menina no hospital, os pais tentaram socorrer a criança.
Médicos do Hospital Maria Moreira Lisboa tentaram ainda reanimar a criança, mas não tiveram sucesso.

Resumão da rodada: Fla, Corinthians e Chape vencem nos estaduais Além do Carioca, Paulista e Catarinense, a bola também rolou no Gauchão, no Mineiro e na Europa

A rodada deste domingo (30) teve muitos jogos decisivos Brasil afora., com os primeiros jogos das finais dos campeonatos estaduais. Pelo Carioca, o Flamengo saiu na frente ao vencer o Fluminense por 1 a 0 no Maracanã. Everton marcou para o rubro-negro. Na final do Paulistão, o Corinthians foi até Campinas e goleou a Ponte Preta por 3 a 0, colocando uma mão na taça.
PUB
A bola também rolou no primeiro jogo da decisão do Mineiro. Cruzeiro e Atlético-MG empataram em um jogo morno e sem gols. Já pelo Gauchão, o Internacional sofreu para empatar em 2 a 2 com o Novo Hamburgo no Beira-Rio. Enquanto isso, a Chapecoense saiu na frente na decisão do Catarinense e venceu o Avaí por 1 a 0, com gol de Luiz Antônio.
O Paranaense, decidido com o clássico Atletiba, teve o Coritiba vencedor do primeiro jogo. O Atlético-PR perdeu o duelo por 3 a 0. No Goianão, o Goiás venceu o Vila Nova também por 3 a 0. Teve clássico também pela Copa do Nordeste, com o Bahia derrotando o Vitória por 2 a 0.
Na Europa, o destaque foi Gabriel Jesus, que marcou um gol e evitou a derrota do Manchester City para o Middlesbrough.
Confira abaixo os principais resultados deste domingo:
Campeonato Carioca
Fluminense 0 x 1 Flamengo
Campeonato Paulista
Ponte Preta 0 x 3 Corinthians
Campeonato Gaúcho
Internacional 2 x 2 Novo Hamburgo
Campeonato Goiano
Vila Nova 0 x 3 Goiás
Campeonato Mineiro
Cruzeiro 0 x 0 Atlético Mineiro
Campeonato Paraense
Remo 1 x 1 Paysandu
Campeonato Paranaense
Atlético-PR 0 x 3 Coritiba
Campeonato Catarinense
Avaí 0 x 1 Chapecoense
Campeonato Cearense
Ferroviário 0 x 1 Ceará
Campeonato Alagoano
CRB 1 x CSA
Copa do Nordeste
Bahia 2 x 2 Vitória
Campeonato Paraibano
Treza 0 x 1 Botafogo-SP
Campeonato Italiano
Roma 1 x 3 Lazio
Palermo 2 x 0 Fiorentina
Crotone 1 x 1 Milan
Internazionale 0 x 1 Napoli
Campeonato Inglês
Manchester United 1 x 1 Swansea
Everton 0 x 3 Chelsea
Middlesbrough 2 x 2 Manchester City
Tottenham 2 x 0 Arsenal
Campeonato Francês
Nice 3 x 1 PSG
Campeonato Português
Braga 2 x 3 Sporting

Com gol de Éverton, Flamengo vence Fluminense na primeira final

Gazeta Press Rio de JaneiroRJ

Flamengo venceu o Fluminense na primeira partida da final do Campeonato Carioca de 2017, no Maracanã, na tarde deste domingo. Com um gol de Everton no primeiro tempo, o Rubro-negro saiu na frente e leva a vantagem de um empate para o segundo jogo, que será realizado daqui a uma semana, também no estádio Mário Filho.
Apesar da derrota, o Tricolor Carioca terá uma semana livre de compromissos e poderá se dedicar inteiramente para a próxima partida da decisão. Já o time de Zé Ricardo tem partida decisiva para sua classificação à próxima fase da Libertadores da América, na quarta-feira, diante do Universidade Católica-CHI, no Maracanã.
Jogadores do Flamengo comemorando o gol do Éverton (Foto: Gilvan de Souza/Flamengo)
O Jogo – O primeiro tempo no Maracanã foi de amplo domínio do Flamengo. O técnico Zé Ricardo armou sua equipe com Berrío e Everton abertos, e a equipe foi instruída a marcar o Fluminense sob pressão. Com isso, o Tricolor teve dificuldades em sair com a bola e apelou para o chutão em muitos momentos.
O Flamengo dominou a posse de bola, foi mais incisivo e criou mais jogadas de gol. A volta de Everton, que reapareceu no time após período ausente por lesão, foi fundamental para a melhor e mais intensa movimentação da equipe em campo.
O Rubro-negro teve sua primeira chance de abrir o placar logo aos 5 minutos. Guerrero aproveitou um rebote da defesa e, de cabeça, lançou Everton, que penetrou na área e chutou cruzado. Cavalieri espalmou e Berrío entrou de carrinho para tocar para o gol, mas o goleiro do Flu conseguiu atrapalhar o lance e evitar o primeiro gol da partida.
O volante Rômulo sentiu um entorse no tornozelo direito e teve de deixar o campo. O argentino Mancuello saiu do banco para protagonizar lance de perigo no minuto seguinte. Pará, da linha média, lançou Guerrero na entrada da área. O peruano ajeitou para Mancuello, que, da meia lua, acertou belo chute de canhota, e obrigou Cavalieri a voar para tocar para escanteio.
O Mengão seguia com a iniciativa e jogando pra frente, enquanto o Tricolor parecia perdido em campo. E num lance bisonho, o Flamengo abriu o placar, aos 33 minutos. Pará cobrou lateral para Réver e recebeu de volta, na intermediária, pela direita. Pressionado, o lateral rubro-negro deu um chute em direção à área do Tricolor Carioca. O lance parecia tranquilo para Renato Chaves, mas o zagueiro furou e a bola sobrou para Everton. O meia-atacante dominou e bateu no ângulo superior esquerdo, sem chances para Cavalieri.
O gol acordou o Fluminense. Aos 35 minutos, Henrique Dourado recebeu livre na intermediária e arriscou de longe. O chute saiu com força e passou rente à trave esquerda do goleiro Muralha.
O clube das Laranjeiras se adiantou em campo e quase chegou ao empate aos 43. Wellington Silva dominou na intermediária e enfiou por entre a defesa rubro-negra para achar Léo, que entrava pela esquerda da área. O lateral cruzou rasteiro para o meio, a bola passou por Muralha em direção a dois tricolores que estavam no segundo pau. Rafael Vaz apareceu de carrinho e impediu o gol certo, deixando a bola com o goleiro do Flamengo.
As duas equipes retornaram sem alterações para a segunda etapa, mas a postura em campo se inverteu. O Flamengo deixou de marcar a saída de bola do Fluminense e se postou em seu campo, em busca dos contra-ataques rápidos, explorando a velocidade de Berrío e Everton. Ao time de Abel Braga coube propor o jogo e partir em busca do empate.
Mesmo com mais liberdade para tocar a bola, o Fluminense encontrava dificuldades em penetrar, e arriscava chutes de longe, como Wendel aos 11, e do jogo aéreo. Três minutos depois, Dourado abriu para Richarlison na entrada da área pela esquerda, o atacante cortou para o meio e disparou um balaço. Rafael Vaz desviou, e a bola acertou o travessão de Muralha antes de sair pela linha de fundo.
O Tricolor Carioca ia pra cima, mas dava espaços para o contra-ataque Rubro-Negro. Aos 18, Rafael Vaz acionou Berrío, que puxou o avanço até a intermediária adversária. O colombiano viu Guerrero livre do outro lado e lançou. O peruano chegou perto da área e soltou a bomba rasteira e cruzada, obrigando Cavalieri a se esticar para tocar com a ponta dos dedos para escanteio.
Passada a metade da segunda etapa, o técnico Abel Braga decidiu fazer alterações em sua equipe, e começou por sacar o volante Wendell para a entrada de Douglas, e o atacante Wellignton Silva para a entrada de Marcos Junior. Até então, sem alteração no esquema de jogo.
Cansado e mancando da perna direita, Paolo Guerrero deu lugar a Leandro Damião aos 33. Três minutos depois, Abel fez a terceira substituição e tirou Richarlison para a entrada de Pedro. Mesmo com um ataque descansado, o Fluminense não conseguiu chegar ao gol, e ainda correu sérios riscos de levar o segundo.
Aos 43 minutos, foi Mancuello que tentou mas Cavalieri defendeu. Já nos acréscimos, em jogada de contra-ataque, Leandro Damião serviu Matheus Sávio na direita e o meia chutou de canhota, mas a bola bateu na zaga.
FICHA TÉCNICA
FLUMINENSE 0 X 1 FLAMENGO
Local: Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ)
Data: 30 de abril de 2017 (Domingo)
Horário: 16h (de Braília)
Renda: R$ 1.660.605,00
Público: 34.926 pagantes (40.898 presentes)
Árbitro: João Batista de Arruda (RJ)
Assistentes: Rodrigo Henrique Corrêa (RJ) e Wagner de Almeida Santos (RJ)
Cartões amarelos: Henrique, Léo, Sornoza (Flu); Márcio Araújo, Trauco, Mancuello (Fla)
Gol:
FLAMENGO: Everton, aos 33 min do 1º tempo
FLUMINENSE: Diego Cavalieri, Lucas, Renato Chaves, Henrique e Léo; Jefferson Orejuela, Wendel (Douglas) e Junior Sornoza; Wellington Silva (Marcos Junior), Richarlison (Pedro) e Henrique Dourado
Técnico: Abel Braga

FLAMENGO: Alex Muralha, Pará, Rever, Rafael Vaz e Trauco; Márcio Araújo, Rômulo (Mancuello) e Willian Arão; Berrío (Matheus Sávio), Paolo Guerrero (Leandro Guerrero) e Everton
Técnico: Zé Ricardo

General é brutalmente direto em relação a Gilmar Mendes

General é brutalmente direto em relação a Gilmar Mendes
O General Paulo Chagas foi absurdamente brilhante em pouquíssimas palavras.
Veja o que ele publicou em relação a Gilmar Mendes:
PapoTV sente-se obrigado a comentar: 
Analisando as últimas atitudes, Gilmar Mendes deve ter ficado sabendo, que a Lava Jato já chegou. E completamos:
PapoTV tem um sonho de ver o exército prendendo o ministro Gilmar Mendes. 
PapoTV

NÃO PERCAM ESTA GRANDE OPORTUNIDADE

Faça logo a sua inscrição, ainda restam pouquíssimas vagas.

QUEM DEFENDE SEU POVO AGE ASSIM E NÃO DESARMANDO.

Chora globalistas e comunistas esse é o cara, ele vai dar o fim na NOVA ORDEM MUNDIAL .

ÚLTIMAS DO ANTAGONISTAS

A greve da greve

Ao contrário de muitos professores, mais de uma centena de estudantes do ensino médio não matou aula na última sexta-feira, dia da "greve geral". Esses estudantes se reuniram para debater assuntos como empreendedorismo, economia e reforma da Previdência, em um fórum promovido pelo Instituto de Formação de Líderes em São Paulo.

Na entrevista a Madeleine Lacsko, Georges Ebel, diretor do IFL, fala sobre esses jovens que estão de olho no futuro do Brasil.





O plano de Lula para fugir para o Palácio do Planalto


O plano de Lula está desenhado no noticiário e na pesquisa Datafolha. Lula não quer fugir para o exterior, mas para o Palácio do Planalto, no final de 2018...[ leia mais 

Lula fez o governo mais corrupto da história.
É a opinião de 32% dos eleitores, segundo o Datafolha...

Lula voltou a ser o que era em 1994.
Ele chegou a liderar a disputa apostando contra o Plano Real, mas perdeu no primeiro turno contra FHC, com 27% dos votos...

Sergio Moro derrotaria Lula no segundo turno.
O Datafolha resolveu incluir esse cenário em sua pesquisa presidencial.
É uma clara manobra para ajudar a defesa de Lula...

A pesquisa do Datafolha mostra que, no segundo turno, Marina Silva derrotaria Lula por uma pequena margem: 41% a 38%...

É preciso impedir a candidatura de Lula em 2018.
É preciso impedir a candidatura de todos os réus na Lava Jato, de todos os partidos...

O Datafolha mostra que, em 2018, se Lula puder concorrer, teremos um plebiscito: Lula contra anti-Lula.
O anti-Lula vai ganhar...

O segundo maior vencedor do DataFolha foi João Doria.
Seus concorrentes dentro do PSDB – Geraldo Alckmin e Aécio Neves – simplesmente derreteram...

Lula pode comemorar seus 30% no Datafolha.
O maior vencedor da pesquisa, porém, foi Jair Bolsonaro...

Lula ainda pode contar com o curral eleitoral nordestino, além do seu curral eleitoral na USP.
É muita gente, mas o contingente anti-Lula, que se recusa a entrar no curral, é muito maior...


ANÚNCIO
Imagem

A Mulher que desafia os grandes bancos do Brasil

Os bancos estão tirando R$ 1.7 bilhões do bolso dos brasileiros todos os anos. Mas agora a guerra está declarada: taxas abusivas nunca mais. Veja agora como recuperar a sua parte.
leia mais...

Joaquim Barbosa, o Hamlet brasileiro


O ex-presidente do STF ainda não encontrou resposta para sua maior dúvida existencial: será ou não candidato à Presidência em 2018...
[ leia mais 


“Nenhuma boquinha acaba sem gás lacrimogêneo”


Em artigo ao Estadão, o ex-presidente do BC Gustavo Franco analisa o esperneio dos pelegos na greve de sexta. Leia...[ leia mais 


O plano de carreira de Alckmin para Doria


Para evitar que João Doria decole e passe voando sobre sua cabeça rumo ao Planalto, Geraldo Alckmin recorreu ao argumento de que é preciso acumular experiência para subir a rampa do Planalto... [ leia mais 


Temer: Inocente 5 X 2 Culpado


Se a votação da cassação da chapa Dilma-Temer fosse hoje, o TSE absolveria o presidente por 5 votos a 2, segundo o Estadão... [ leia mais 


“Não deve existir foro privilegiado para ninguém”


Em entrevista ao Estadão, Celso de Mello foi claro quanto ao que pensa sobre o foro privilegiado: deve acabar e ponto. Leia... [ leia mais 


ANÚNCIO
Imagem

O que as farmacêuticas não lhe contam


A Jolivi denuncia uma ameaça à sua saúde escondida na caixa de remédios. Há 7 drogas usadas por milhões de brasileiros todos os dias com efeitos colaterais gravíssimos. Saiba quais são elas.TESTE
leia mais...


João Santana: “Dilma sofre de amnésia moral”


O Estadão obteve detalhes de um depoimento sigiloso prestado por João Santana à Justiça eleitoral na semana passada. Ao ser perguntado se Dilma sabia do caixa dois em sua campanha, respondeu... [ leia mais 


Liminar proíbe CUT de fazer ato na Paulista


O Tribunal de Justiça de São Paulo concedeu liminar proibindo a CUT de realizar seu ato de 1º de Maio na avenida Paulista... [ leia mais