FumanchúWebRádio

fan page

Federação das Industrias do Estado do Piauí

Federação das Industrias do Estado do Piauí

quarta-feira, 28 de junho de 2017

Decano do STF, em poucas palavras, humilha Gilmar Mendes

Decano do STF, em poucas palavras, humilha Gilmar Mendes
Gilmar Mendes havia gritado com os colegas, hoje no plenário, no julgamento que determinou a validade da delação da JBS. O grampeado em fala com Aécio e ferrenho defensor de Michel Temer disse aos berros:
"Até isso se cogita: discutir a aprovação de um projeto de lei de abuso de autoridade, como se fosse obstrução de Justiça. Quanta desfaçatez, cinismo, pensamento totalitário", vomitou Gilmar. 
Mendes também disse que os ministros da corte não podem ser impedidos de revisar acordos de delação premiada firmados pelo Ministério Público e disse que a operação Lava Jato está criando um "tipo de Direito Penal de Curitiba".
Um Eminente procurador da Lava Jato, no entanto, destacou  em sua rede social que "depois da babação de ódio, das inverdades, da manipulação de informação, nada mais reconfortante que ver a serenidade e bom senso do decano do STF Ministro Celso de Melo."
Disse o decano, sem citar nomes, mas claramente rebatendo Gilmar: "Regimes autocráticos, governantes ímprobos e cidadãos corruptos temem um Ministério Público independente."
Postar um comentário