FumanchúWebRádio

fan page

Federação das Industrias do Estado do Piauí

Federação das Industrias do Estado do Piauí

sexta-feira, 30 de junho de 2017

Sejus investigará conduta de agentes presos em operação

O Secretário Estadual de Justiça Daniel Oliveira informou que foi aberto processo administrativo para investigar os três agentes penitenciários presos em operação nesta quinta-feira (29). Os servidores já foram afastados dos cargos até que o inquérito da Polícia Civil seja concluído. O processo administrativo pode levar a expulsão dos servidores.
"Nós lamentamos esse episódio mas é importante que essa página sirva também para a modenização do sistema penitenciário. Nossos servidores são abnegados, são grandes servidores, honestos e sérios. Vamos investigar administrativamente a conduta deses servidores e eles poderam ser demitidos dos cargos, a partir destes resultados", pontuou o gestor.
Atualmente a Sejus tem cerca de 850 agentes penitenciários. Nesta operação foram cumpridos dois mandados de prisão, três de busca e apreensão e uma condução coercitiva. Todos relacionados ao combate dos Crimes de Corrupção Ativa e Passiva. Três agentes penitenciários de Parnaíba foram presos.
Estrutura
A penitenciária de Parnaíba foi adaptada dentro do prédio de um mercado. Segundo o secretário as condições de manutenção dos presos no local são sujeitas a construção de uma nova unidade. "Nós já ampliamos os itens de segurança da unidade e também a partir de um motim que aconteceu lá houve essa reforma do Estado e a partir disso também outras ações para melhorar a segurança e a rotina dentro da unidade", completou.
Concurso
O secretário acrescentou que espera concluir o trâmite do concurso para agentes penitenciários até setembro e em seguida iniciar a convocação dos aprovados. "Nós temos essa seleção que é o concurso público que faz a investigação do passado dos servidores. A outra etapa é a avaliação rotineira e diária. Essa etapa é a partir das promoções que são feitas dentro do sistema prisional e da Secretaria de Justiça. Para isso também existe uma comissão que trata desse tema com relação a promoção e eu diria que esse serviço também é permanente", finalizou.
Rayldo Pereira
rayldopereira@cidadeverde.com
Postar um comentário