FumanchúWebRádio

fan page

quarta-feira, 12 de julho de 2017

Lula não pode assumir cargo público, determina Moro

luMo
Na sentença que condenou o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva a nove anos e seis meses de prisão no caso do apartamento tríplex no Guarujá, no Litoral Sul de São Paulo, o juiz federal de primeira instância Sérgio Moro também proibiu Lula de assumir qualquer cargo público por um período de 19 anos. Em tese e se a sentença for confirmada em instâncias superiores, Lula fica proibido de concorrer a qualquer eleição por quase duas décadas.
O ex-presidente também está impedido de assumircargos em governos, agências ou empresas estatais. A punição, na prática, significa o fim das eleições para Lula.
Postar um comentário